Atendimento Pré-Hospitalar APH

You are currently viewing Atendimento Pré-Hospitalar APH
Atendimento-Pré-Hospitalar-APH

Atendimento Pré-Hospitalar APH. Quando uma pessoa sofre um acidente, os primeiros socorros são cruciais para salvar a vida dela.

Por isso, os procedimentos têm que ser eficazes e rápidos, pois a vida do paciente está em risco. De preferência, tudo tem que ser feito em questão de minutos, sempre com a maior eficiência possível.

Isso comprova como o atendimento pré-hospitalar é crucial na vida das pessoas, pois esses procedimentos impedem muitas mortes. Para conhecer melhor o atendimento pré-hospitalar, leia este texto e entenda mais sobre o tema.

O que é o atendimento pré-hospitalar (APH)?

Também chamado de socorro pré-hospitalar, o atendimento pré-hospitalar (APH) é o atendimento de emergência que é feito fora de um hospital. Segundo as leis brasileiras, existem dois tipos de APH’s, o Fixo e o Móvel.

Qual é a importância do atendimento pré-hospitalar?

O atendimento pré-hospitalar é muito importante, pois ele salva muitas vidas. Um de seus pontos positivos é prevenir o agravamento da situação da vítima, especialmente em casos de traumas ou mal súbito.

Os primeiros socorros do APH exigem alto nível técnico e procedimentos humanizados. Por exemplo, o enfermeiro tem uma importância gigantesca nesse atendimento, pois ele avalia a gravidade do trauma e gera uma chance de sobrevida para o paciente.

O que é atendimento pré-hospitalar fixo?

O atendimento pré-hospitalar fixo é aquele que acontece com estabelecimentos de saúde de menor complexidade. Esse atendimento promove uma primeira assistência até que a vítima receba um atendimento mais completo.

Normalmente, esses atendimentos são feitos em unidades básicas de saúde, unidades de pronto-atendimento ou centros médicos que lidam com casos menos complexos. Além disso, esse atendimento também pode ser feito em unidades não hospitalares.

O que é atendimento pré-hospitalar móvel?

Após chegarem ao local da vítima, os socorristas prestam os primeiros socorros e procuram estabilizar o paciente. Depois disso, a vítima é colocada na ambulância e transportada para um serviço de saúde que tenha recursos para dar continuidade ao atendimento. Dessa forma, haverá maiores chances de sobrevivência.

Um dos exemplos mais comuns de atendimento pré-hospitalar móvel é o Serviço de Atendimento Médico de Urgência (SAMU). Além disso, os bombeiros e os serviços particulares de urgência móvel também se enquadram nesse quesito.

Além de tudo o que foi dito, o APH móvel pode transportar uma vítima de um hospital para o outro, especialmente se a situação dela for mais grave do que parecia.

Considerações finais sobre o atendimento pré-hospitalar

O atendimento pré-hospitalar é crucial na vida das pessoas. Se não fosse por esse serviço, muita gente morreria antes de chegar ao hospital. Dessa forma, os profissionais que trabalham com isso devem ser de alto nível, pois eles têm uma enorme responsabilidade nas mãos.

Quando o atendimento é bem feito, as chances do paciente sobreviver aumentam bastante. No entanto, se o APH for de péssima qualidade, talvez o quadro do paciente piore ainda mais. Tudo vai depender do tipo do acidente e da forma que a vítima foi atendida.

Por conta disso, tanto as empresas particulares quanto o governo devem prestar muita atenção nesse serviço, pois receber um APH de qualidade é um direito de qualquer cidadão.

www.interhelpambulancia.com